Insônia

Trago dela a cada noite quando o sol se despede e a lua debruça sobre o céu. Sirvo-me na prateleira. Fumaças dispersas sobrevoam. Voam. Encosto na cabeceira à procura de. Algo a remediar a vida. Noites sob os holofotes de pensamentos cortantes. Delirantes. Alucinantes. Metamorfoses a cada átimo que se extrai das decisões tomadas. Amanhã faz nada. Vaga a cada instante, perdida, tentando se espreitar em meus olhos anuviados de cansaço, de vida, de conversa, vaga. Sono vaga, divaga. Despede do sol. Chama a lua pra uma prosa na rua. Nua, escancara minha absolvição agora no meio desse grande nada de ilusão. Insônia porque me acompanha? A vida anda e o pensamento não ameniza. Larga-me sua insistente, não me vejo contente na sua companhia. Nenhum pouco.

Anúncios

2 comentários

  1. nem sei ao certo se nesses últimos tempos se é a insônia minha companheira a cada noite ou se aproveito o não dormir para marcar encontro comigo mesmo. depois de algum tempo descobri que precisava (e preciso ainda) estar comigo para me reconstruir a cada dia. e as noites se transformaram em companheiras de longas conversas, de segredos, de vida intensa dentro de mim. hoje, quando o sol diz até amanhã, sinto uma espécie de conforto por mais dia vivido e mais suave encontro a noite para o café e colocar tudo em ordem. assim, consegui chegar ao amanhecer, ao novo, ao desconhecido com a alegria das grandes descobertas. mas, a pergunta sempre volta: será insônia?
    tenho feito leitura, lenta é verdade, dos teus textos Renata como um livro que me desperta a cada página virada. e tem me feito bem, os olhos ganharam o brilho de ontem, esquecido em meio a tanto tantos que vivo, e tem sido como o amanhecer: o novo nos poros dos meus pensamentos. muito obrigado. receba o meu abraço fraterno.

    Curtido por 1 pessoa

    • Ei amigo! Eu entendo a sua dúvida e também já me vi refletindo as mesmas questões. Também sinto essa espécie de conforto quando a noite vem, um momento de fazer essa conexão mais profunda com o eu. Tão importante e necessário encontro! Ainda mais para nós que temos essa sensibilidade exacerbada e que bom! Sou uma pessoa que precisa de dormir e o processo criativo às vezes borbulha a mente, mas achei legal te ouvir falando assim e poder voltar os olhos novamente para essa perspectiva fazendo da insônia uma companheira doce e conselheira. Fico imensamente feliz em fazer parte do seu mundo de leituras boas e fonte de vivacidade em meio a tantas coisas e maravilhas que a vida nos apresenta. Gratidão apenas pela sensibilidade e pelos comentários aqui deixados com tanto carinho. Obrigada eu, recebido o abraço fraterno e retribuído grande. Obrigada pela troca tão humana apesar da tela. Precisamos disso. O mundo precisa!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.