Flores: podem desabrochar

Quero alçar pequenos
Voos
antes de adentrar o Céu
Pequenos passos
antes de percorrer a contramão do
Tempo
alento
Ouvido ATENTO
P A U S A nas entrelinhas
duma conversa à toa e
despretensiosa dum
Domingo
despedINDO
SÓ- rindo
Quero ver a brasa da fogueira
ao Vento
e suas faíscas crepitantes
repousar num lugar
menos Intenso
menos denso
Quero ouvir o som do
Tambor
a comungar com
Deus
compassando o peito
acelerado
Paz invadindo o dia
com sabor de
grama verde
Céu imenso
descortinado
Enquanto o Inverno
despede-se para a entrada
da próxima era
minha Primavera
as flores alegram-Se
em regalo
cá dentro de Mim
Enfim!
podem desabrochar

Anúncios

7 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.